Relatos e favores

Recorrer em caso de necessidade à intercessão de pessoas com fama de santidade é uma prática corrente na Igreja. Apresentamos uma selecção de relatos recebidos no Departamento para as Causas dos Santos da Prelatura do Opus Dei.

Eduardo Ortiz de Landázuri
Opus Dei - Relatos e favores

Um cancro do pulmão e dois pneumotóraxes

Diagnosticaram ao meu filho um cancro no pulmão. Pedi a Deus a cura dele através do servo de Deus Eduardo Ortiz de Landázuri e recomendei a toda a minha família que fizesse a mesma coisa.

Disseram-nos que estava localizado e que se podia operar, mas com o decurso do tempo as notícias eram mais desalentadoras. De acordo com o oncologista já não se podia operar porque tinha adenopatias no mediastino e o tumor estava muito próximo da traqueia. Disseram-nos que, na melhor das hipóteses, poderia viver dois anos, mas propunham fazer-lhe uma tractotomia.

Ao tentar obter amostras para a biópsia provocaram-lhe um pneumotórax. Continuávamos a encomendá-lo ao Dr. Eduardo, e a surpresa foi quando depois de uma radiografia para ver o pneumotórax, o médico nos disse que a mancha tinha diminuído de tamanho e as adenopatias estavam a desaparecer. Tudo isto sem nenhum tratamento que pudesse justificar as mudanças.

Mais tarde viu-o outro especialista que nos garantiu que não tinha cancro. Por último, na Clínica Universitária de Navarra fizeram a biópsia e também não encontraram nada de tumoral. A. V. 

Um feto que não era viável

Com a primeira ecografia que fizeram à minha nora, deram-lhe a gratíssima notícia de que estava grávida de gémeos. Na segunda, tudo era normal, mas na terceira o ginecologista disse-lhe que um dos fetos não era viável por ter o ureter completamente obstruído. Outro colega, confirmou o diagnóstico e comentou que o melhor era eliminá-lo em proveito do outro feto.

Consultaram outro especialista, que disse que podia ser um quisto, mas que com as ecografias o primeiro diagnóstico parecia correcto. Em nova consulta a opinião foi a mesma, embora a obstrução pudesse ser parcial.

Recorri ao Dr. Eduardo logo desde o princípio, porque a minha nora também é médica e parecia-me que me ia ouvir. A gravidez continuou, embora a minha nora tivesse de fazer muito repouso. Por fim, um mês antes da data prevista nasceram duas lindas criaturas: um menino (o do milagre) e uma menina. Agradeço ao Dr. Eduardo este favor que encheu de alegria toda a família. 

Mª. H. V. A.